PORTALEUCLIDENSE: Festa de 15 anos da filha do prefeito de Alagoinhas gera polêmica

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Festa de 15 anos da filha do prefeito de Alagoinhas gera polêmica

A festa ocorre no sábado (31), mas já está causando polêmica. 

Os 15 anos da filha do prefeito de Alagoinhas, Paulo Cezar (PDT), ganhou as redes sociais de forma negativa. A quem fale que o regabofe vai custar quase meio milhão de reais. Há outros que falam um valor um pouco mais modesto, R$ 200 mil. A atração musical é a banda paulista CPM22.

No Facebook, o vereador Radiovaldo Costa (PT) denunciou que o pedetista resolveu recapear a via que dá acesso a Associação Atlética do Banco do Brasil (AABB) para “atender interesses pessoais”, já que a festa será realizada no clube. “O que cada um faz de sua vida, é problema de cada um. Agora quando a gente utiliza os recursos públicos, para atender interesses pessoais, ai é interesse de todos nós”.

Em fotos exibidas nas redes sociais, Radiovaldo diz que havia uma equipe na tarde desta segunda-feira (26), fazendo a obra. “Além do serviço está sendo realizado na área que compreende o estacionamento do clube, onde coincidentemente no próximo sábado, vai ocorrer uma festa particular do prefeito. Nada contra a realização da festa. Agora melhorar o local privado com recursos públicos, por conta de sua festa pessoal não é correto nem legal”.

O site Bocão News apurou com o prefeito Paulo Cezar que não está havendo recapeamento da via que dá acesso a AABB, mas “apenas um tapa buraquinho”. O prefeito também confirmou a contratação da banda CPM22 e, segundo ele, o cachê é R$ 20 mil. Ao ser questionado se a festa será custeado com o dinheiro público, o prefeito retrucou. “Claro que não, minha filha”. Sobre o custo total, ele passou a bola para a primeira-dama, Tatiana Andrade, também secretária de Ação Social.

Tatiana não quis revelar valores. Disse que não seria ético e ameaçou processar o vereador Radiovaldo Costa. Segundo ela, o petista está questionando valores da festa por “ser o único vereador que não foi convidado”.

A reportagem apurou que a festa está sendo organizada pelo buffet Celebrar. Há quem diga que a decoração e o jantar não ficarão por menos de R$ 150 mil.


Nenhum comentário:

Postar um comentário