PORTALEUCLIDENSE: Ladrão passa mal e morre durante roubo

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Ladrão passa mal e morre durante roubo

Em Manaus, um homem morreu na madrugada desta quinta-feira (22) enquanto assaltava passageiros de um micro-ônibus, na Zona Norte da capital.
Segundo testemunhas, ele teve um mal súbito. Ainda assim, o parceiro dele levou os objetos das vítimas e, antes, exigiu que elas que retirassem o corpo do veículo.

O assalto ocorreu por volta de 2h40, na Avenida Preciosa, no bairro Monte das Oliveiras. O micro-ônibus transportava para casa dez funcionários de uma empresa de eletrônicos do Polo Industrial de Manaus (PIM).

Segundo as vítimas, cinco homens armados com escopetas anunciaram o assalto no momento que o veículo parou para o desembarque de uma passageira.Três ficaram do lado de fora e dois entraram no ônibus.

Logo após anunciar o assalto e iniciar a coleta dos pertences das vítimas, um dos assaltantes caiu e morreu. O outro suspeito exigiu que as mulheres o ajudassem a retirar o corpo do veículo, mas levou objetos como bolsas, celulares e relógios. O homem desceu do ônibus e mandou o motorista seguir.

Uma das vítimas, de 26 anos, que prefere não se identificar, disse que os passageiros foram ameaçados e que uma mulher foi agredida. "Eles [suspeitos] estavam drogados e nervosos. A situação é tão absurda, que além de nos roubar, ainda exigiram que carregássemos o corpo", acrescentou a vítima, contrariada.

Suspeitos
As vítimas registraram ocorrência no 15º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e acionaram a Polícia Militar. Equipes das 26ª e 15ª Companhias Interativas Comunitárias (Cicom) foram até o local e encontraram o corpo do homem. Dois suspeitos também foram localizados e presos pela PM. Outros dois fugiram.

No DIP, os dez passageiros e o motorista reconheceram os dois suspeitos como integrantes do bando. Segundo a Polícia Civil, eles vão prestar depoimentos e depois serão encaminhados à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa.

Mais assalto
A empresa Martins Rent a Car é proprietária do micro-ônibus e presta serviço de transporte para a Digitron, para quem as vítimas trabalham. Segundo a gerente geral da locadora de veículos, Lúbia Lopes, esse foi o sexto assalto ao micro-ônibus em dois meses, somente nessa rota.

"Manaus inteira sofre com essa insegurança, principalmente na madrugada. A situação é absurda. Prova disso é que em uma semana, em um mesmo local, na Cidade de Deus, fomos assaltados duas vezes pelos mesmos bandidos", reclamou Lúbia.

O G1 procurou a Digitron, mas nenhum representante da empresa quis se pronunciar sobre o caso.

G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário