PORTALEUCLIDENSE: Santaluz: mais de 48h sem energia em frigorífico, homem instala gerador, sofre choque elétrico e vai parar no hospital

quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Santaluz: mais de 48h sem energia em frigorífico, homem instala gerador, sofre choque elétrico e vai parar no hospital


A falta de energia no Bairro do Açude Tapera na cidade de Santaluz já passa de 55 horas, por lá existe várias residências, sorveteria, oficinas, frigorífico e outros seguimentos comerciais prejudicados com a falta de energia elétrica desde às 14h de segunda-feira, 04.
O Frigorífico São Matheus, o maior do bairro e que fica às margens da BA 120 na entrada da cidade para que chega de Valente, já contabiliza prejuízo incalculável com o descongelamento de alimentos que precisam ficar em baixa temperatura, e com a falta de energia, o que se vê, são os freezeres cheios de produtos estragados.
O Calila Noticias esteve no referido estabelecimento e constatou a existência de produtos estragados, sorvetes, picolés e bebida láctea descongelados, assim como frios, carnes, peixes, e bebidas.
De acordo com a advogada Erica Rubina Costa dos Santos, pensando em amenizar o prejuízo, depois de inúmeras solicitações sem êxito junto a Coelba, Companhia responsável pela distribuição de energia, Marcelo dos Santos, seu irmão e  proprietário do frigorífico, resolveu contratar um potente gerador, pois alem dos freezeres e refrigeradores, possui uma enorme câmara fria onde se encontra o maior estoque de congelados, já que além de vender no varejo, também vende no atacado para outras 
Só que na instalação do gerador quase terminou em tragédia, depois que o proprietário do equipamento conhecido por Alex ligou a rede, ao tentar descer do caminhão tocou numa parte de ferro na carroceria, e a mesma estava passado corrente elétrica, ele sofreu um grande choque e ficou grudado ao caminhão e chegou a perder os sentidos, sendo levado imediatamente para o Hospital Municipal onde ficou internado. O caso foi muito grave, ele chegou a perder os movimentos das pernas, ficou suando e preocupou a todos,  mas felizmente depois de ser levado para o hospital e ter ficado internado por algumas horas se recuperou”, narrou Drª Érica.
                           
A advogada disse que seu irmão  ao perceber aquela cena, ajudou a socorrer Alex e  depois ele também foi parar no hospital e ficou internado para controlar a pressão arterial que subiu bastante devido ao susto.



Ainda segundo informações da advogada, tão logo a Coelba foi informada do incidente com o gerador, mandou uma equipe, mas os funcionários disseram que não era de competência deles aquele serviço e que estaria vindo outra equipe possivelmente na parte da tarde, mas isso não aconteceu e está próximo de completar três dias sem energia. Ela informou também que os funcionários da terceirizada da Coelba atribuiu o problema da queda de energia a uma enorme algaroba que está tocando na rede de alta tensão.


Erica revelou ainda que esta não foi a primeira vez que faltou energia naquela rede, já ocorreu outras vezes, até o dia inteiro, mas desta vez foi para causar prejuízo total. ” Tudo que a gente ver aqui nos frezeres não é nada, para o que está lá dentro da câmara, como já disse, ele (Marcelo) é distribuidor para mercadinhos em todo município. Imagino como deve ser quando abrir essa câmara”, Falou preocupada a advogada que garantiu está se mobilizando para que a empresa responsável posso ressarcir todo prejuízo.

“Já fotografamos e filmamos tudo, vamos acionar a Coelba porque Marcelo não vai poder ficar no prejuízo. Todo alimento estragado vai ser jogado no lixo, afirmou a advogada.


Quem está indignado com a situação e protestando pelo que chama de descaso e falta de respeito ao consumidor é o vereador pelo município João Pereira dos Santos, (PMDB) conhecido por Dida. Segundo ele, tem feito várias ligações, tem cobrado da Coelba providencias, mas segundo ele está sentindo falta de vontade por parte da empresa para resolver o problema que não afeta apenas o frigorífico, como centenas de pessoas no bairro. “A gente tem que se preocupar também com a dona de casa que compra o alimento para uma semana e deixa na geladeira e com essa situação também está prejudicada. Um serviço muito ruim esse da Coelba merece todo nosso repúdio”. Falou revoltado o vereador

FONTE - Redação CN * Fotos: Raimundo Mascarenhas

Nenhum comentário:

Postar um comentário