PORTALEUCLIDENSE: Bavi encerra com 45 pessoas detidas após confrontos de torcidas

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Bavi encerra com 45 pessoas detidas após confrontos de torcidas

Um BaVi em que as duas torcidas saem perdendo independente do placar. A polícia deteve 45 pessoas em uma ocorrência no Dique do Tororó. A confusão entre torcedores também tomou conta da Ladeira da Fonte. Os dados confirmados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) também dão conta de que entre os presos está o presidente da Torcida Uniformizada Imbatíveis, do Vitória, Gabriel Oliveira e o vice-presidente da Bamor, de nome não informado.
Ainda conforme as informações da SSP-BA, os 45 torcedores detidos, foram lavrados cinco termos circunstanciados (TCO) e encaminhados para o Juizado da Vara de Esporte. Além das brigas de torcedores, a 1ª Delegacia dos Barris, registrou um roubo e um furto. As pessoas envolvidas nas brigas de torcidas foram enquadradas no Estatuto do Torcedor e serão julgadas na vara especializada em esporte.

A confusão teria iniciado por integrantes de torcidas organizadas. A Polícia Militar emitiu uma nota sobre os confrontos das torcedores.

"De acordo informações da 2ª CIPM (Companhia Independente da Polícia Militar) e Batalhão Especializado em Policiamento de Eventos da Polícia Militar (BEPE), neste domingo (9), por volta das 13h30, foram acionados para intervir em um confronto entre torcidas antes do início do jogo BAVI, próximo a Ladeiras do Pepino, no Dique do Tororó. Contornada a situação um novo tumulto voltou a ocorrer na Ladeira da Fonte, onde torcedores do Vitória dispararam rojões em direção à torcida do Bahia e após intervenção do BEPE, cerca de quarenta e cinco torcedores do Vitória foram conduzidos para a delegacia especial situada no estádio onde foram apresentados ao Delegado de plantão.

Também foram apresentados o presidente da torcida Imbatíveis e o vice-presidente da Bamor por descumprirem o Art. 41-B do Estatuto do Torcedor".

Nenhum comentário:

Postar um comentário