PORTALEUCLIDENSE: Três ex-prefeitos e dois gestores de entidades terão que devolver R$ 320 mil

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Três ex-prefeitos e dois gestores de entidades terão que devolver R$ 320 mil

O Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA) desaprovou cinco prestações de contas de três prefeitos de municípios e dois gestores de entidades, que resultaram na imputação de débitos aos gestores no total de R$ 320.977,72.
O ex-prefeito de Ilhéus, Valderico Luiz dos Reis, terá que devolver R$ 23 mil por conta do convênio firmado entre a prefeitura e a Secretaria do Trabalho Assistência Social e Esporte (Setras). O ex-prefeito Reinaldo Oliveira, de Quijingue, terá que devolver R$ 2.569,38 pelo convênio entre a prefeitura e a Secretaria de Combate à Pobreza e às Desigualdades Sociais (Secomp).

O ex-prefeito de Pé de Serra, José Carneiro Rios, terá que devolver R$ 120 mil por conta de um convênio com a Secretaria de Combate à Pobreza e às Desigualdades Sociais (Secomp). Convênios firmados pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (Sedes) com o Instituto Brasileiro de Educação em Negócios Sustentáveis (IBENS) também foram desaprovados e a gestora Renata Adriana Toledo terá que devolver R$ 12.550,51.

O convênio firmado entre a Fundação da Criança e do Adolescente (Fundac) com o Instituto de Desenvolvimento Social e Ambiental (Idesab) também foi desaprovado e o gestor Antônio Marcos Evangelista dos Santos terá que pagar R$ 162.191,83.

Nenhum comentário:

Postar um comentário