PORTALEUCLIDENSE: Homem é preso em Quijingue acusado de agiotagem e estelionato contra aposentados

domingo, 14 de maio de 2017

Homem é preso em Quijingue acusado de agiotagem e estelionato contra aposentados

O corretor de empréstimos José Renato dos Santos Santana, natural de Santaluz, foi preso pela Polícia Civil na sexta-feira (12) por crimes contra idosos em Quijingue. Conforme as informações passadas ao Notícias de Santaluz pelo delegado Equiber Alves, titular da delegacia da cidade, o empresário, que é dono de uma financeira,  teve mandado de prisão preventiva decretado pela Justiça por envolvimento em esquema de fraudes de empréstimos consignados a aposentados e agiotagem.
De acordo com o delegado, a investigação teve início com a prisão de um homem identificado como Antônio Marcos de Oliveira Almeida, o ‘Marquinhos’, em março desse ano.

Segundo Equiber Alves, a partir desta prisão, a polícia apurou que os acusados emprestavam dinheiro aos aposentados e retiam os cartões e as senhas das vítimas como garantia do recebimento da dívida. A polícia suspeita que o esquema criminoso fez dezenas de vítimas, conforme explicou o delegado. “Os crimes estão ligados diretamente a efetivação de empréstimos consignados realizados de forma fraudulenta, a apropriação de valores dos benefícios de aposentados, indução à outorga de procuração e retenção de cartões de benefícios com garantia do recebimento de dívida. Há casos em que aposentados que recebem até dois salários mínimos tinham acesso apenas a R$ 300”, disse.

O delegado conta que foram apreendidas notas promissórias assinadas pelas vítimas, cartões e comprovantes de depósitos. Foi localizado, ainda, um livro de registro com a contabilidade da agiotagem e detalhes do esquema. “Aos poucos, estamos devolvendo os cartões às vítimas, o que significa devolver a dignidade aos idosos que foram lesados pelo esquema criminoso. Alguns aposentados ainda não foram localizados, e os cartões continuam na delegacia”, informou Equiber Alves. A investigação continua, segundo o delegado.

José Renato foi encaminhado para a carceragem da sede da 25ª Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (Coorpin), em Euclides da Cunha, onde ficou preso à disposição da Justiça.

As informações e foto são do Notícias de Santaluz

Nenhum comentário:

Postar um comentário