PORTALEUCLIDENSE: Encapuzados invadem hospital e matam suspeito de assaltar pedágio

sexta-feira, 30 de março de 2018

Encapuzados invadem hospital e matam suspeito de assaltar pedágio

Assalto teve um PM baleado. Uma pessoa morreu após ser atropelada.

Duas pessoas morreram e um policial militar foi baleado após assalto à praça de pedágio em Candeias, na noite de quarta-feira (28). Uma das pessoas mortas foi um dos suspeitos de ter participado do assalto, um jovem, de 18 anos, que não teve o nome divulgado. Ele foi morto depois que bandidos invadiram o Hospital Ouro Negro, em Candeias, e o executaram.
O jovem estava sendo vigiado por PMs que deixaram o posto momentos antes, para auxiliar outros colegas, segundo a Polícia Militar.

Os homens armados invadiram a unidade de saúde, renderam os funcionários, posicionando todos de costas para eles, executaram o custodiado e, em seguida, fugiram. Os militares foram chamados para retornar e impedir a fuga dos envolvidos no crime, porém ninguém foi encontrado.

“Policiais militares da 10ª Companhia Independente da Polícia MIlitar (Candeis) foram acionados pelo Centro Integrado de Comunicações (Cicom) para apoiar outra guarnição que estava em confronto com um grupo de indivíduos no distrito de Passagem dos Teixeiras, por volta das 2h da madrugada de quinta-feira (29). Os militares deixaram o Hospital do Ouro Negro, onde faziam a custódia do homem suspeito de participar do roubo na praça do pedágio da rodovia Canal de Tráfego, em Candeias, e foram atender a ocorrência”, afirmou a PM, em nota.

Assalto e atropelamento

Em nota, a Concessionária Bahia Norte, que administra a rodovia, informou que os criminosos renderam a equipe de vigilância por volta de 19h50 e assaltaram os motoristas e as cabines da praça de pedágio localizada no km 11 da rodovia Canal de Tráfego. Na ação, além do PM baleado, um motorista foi atropelado e morreu. Ele foi identificado como Natanael Alves Cardoso, natural de Santo Estevão. Segundo informações a Bahia Norte, ele teve o veículo tomado de assalto e acabou atropelado pelos bandidos, que fugiram em outro carro de passeio.

“As guarnições fizeram rondas na região para localizar os demais criminosos, que até o momento não foram encontrados”, disse a PM. A Polícia Civil investiga o caso.

Correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário