PORTALEUCLIDENSE.: Promotor Almiro Sena é condenado a prisão por assédio sexual contra servidoras da secretaria de Justiça

quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

Promotor Almiro Sena é condenado a prisão por assédio sexual contra servidoras da secretaria de Justiça

O promotor Almiro Sena, do Ministério Público da Bahia, foi condenado nesta quarta-feira (12) por assédio sexual contra servidoras da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos do Estado. Sena deverá cumprir 4 anos, 5 meses e 15 dias de detenção.
A penalidade foi aplicada pelos desembargadores do Tribunal de Justiça da Bahia em sessão plenária nesta quarta-feira (12).

A possibilidade de condenação por estupro foi descartada em razão da falta de provas e pela necessidade da abertura de um novo inquérito. Desde novembro de 2014, Almiro Sena está afastado do cargo de promotor de Justiça. Ele continua em disponibilidade cautelar até a sentença judicial transitada em julgado, de acordo com previsão do art.128, parágrafo 5º, da Constituição Federal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário