PORTALEUCLIDENSE: STJ concede habeas corpus a Chiquinho da Mangueira

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

STJ concede habeas corpus a Chiquinho da Mangueira

O Superior Tribunal de Justiça (STJ ) concedeu habeas corpus para o deputado estadual Chiquinho da Mangueira, preso em novembro do ano passado no âmbito da Operação Furna da Onça. Chiquinho não reassumirá o mandato, cumprirá prisão domiciliar com tornozeleira.
A decisão é liminar e ainda pode ser revista pela 5ª Turma do STJ.

Chiquinho foi um dos dez deputados estaduais presos na operação. Ele é suspeito de pedir propina da organização criminosa comandada por Sérgio Cabral (MDB) para realizar o desfile da escola. Chiquinho nega as acusações.

De acordo com as investigações, os envolvidos teriam recebido mensalmente propinas de R$ 20 mil a R$ 100 mil para votar de acordo com o interesse do governo. De acordo com a Polícia Federal, o esquema teria movimentado pelo menos R$ 54 milhões.

Jornal do Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário