Falso policial é condenado pela Justiça por oito estupros


Um homem, apontado como falso policial, é acusado de ter cometido 26 estupros e foi condenado por oito deles pelo Tribunal de Justiça de São Paulo. Ele, que não teve a identidade revelada, também responde a 37 processos.
De acordo com o TJSP, além dos crimes sexuais, o homem também é acusado por roubo, extorsão, falsa identidade e falsificação de documento público, em penas que somam 63 anos.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.