Portal Euclidense: Desfile do Flamengo para comemorar o título da Libertadores termina em confusão no Centro do Rio com Policial atropelado

INICIO

domingo, 24 de novembro de 2019

Desfile do Flamengo para comemorar o título da Libertadores termina em confusão no Centro do Rio com Policial atropelado


A festa pelo título da Libertadores do Flamengo, que aconteceu no Centro do Rio de Janeiro, hoje (24), terminou em confusão. Pouco depois do caminhão em que estava a delegação rubro-negra mudar o trajeto e finalizar a celebração, um confronto entre alguns torcedores e policiais militares teve início. 

A comemoração aconteceu na Avenida Presidente Vargas e, inicialmente, iria da Candelária até o monumento em homenagem a Zumbi dos Palmares. Um pouco antes de chagar ao destino, porém, o veículo em que estavam jogadores, comissão técnica e diretoria entrou na Rua de Sat'Ana, que é um pouco antes, e o desfile terminou. 

Neste momento, começou um empurra-empurra e alguns rubro-negros entraram em confronto com policiais. Houve arremesso de garrafas, pedras, latas e cones em direção aos policiais, que responderam com bombas de efeito moral.  Imagens do SporTV mostraram uma moça sendo carregada em meio à confusão e um rapaz deitado no chão, sendo abanado por outros torcedores. 

Um guarda municipal foi atropelado por um carro da própria corporação, que estava em marcha ré fugindo dos objetos atirados.






Enquanto isso, com todo o elenco ainda presente, o trio elétrico passava por ruas interditadas no Centro para se encaminhar ao Batalhão da Polícia Militar, local onde o grupo embarcou no ônibus - mesmo que o levou do aeroporto do Galeão para o Centro da Cidade Maravilhosa - para ir embora. 

O "Aero Fla" feito no embarque da delegação para Lima, no Peru, no terminal de cargas do Galeão, também terminou em confusão. O Flamengo garantiu o segundo título da Libertadores ao vencer o River Plate, da Argentina, de virada .

Nenhum comentário:

Postar um comentário