Portal Euclidense: Gugu é acusado e julgado após morte: ‘De bonzinho só tinha a cara’

INICIO

quarta-feira, 25 de dezembro de 2019

Gugu é acusado e julgado após morte: ‘De bonzinho só tinha a cara’


Pelo visto a luta pela fortuna de Gugu está só começando. O apresentador, morto no dia 22 do mês passado após uma queda, deixou em testamento seus bens apenas para os três filhos e uma parte para sobrinhos.
Nessa situação, a médica Rose Miriam Di Matteo, com quem Gugu Liberato esteve junto por quase duas décadas, ficou de mãos abanando. O testamento nem sequer a mencionou.
Agora, Rose está lutando na justiça para ter seus direitos como companheira de união estável, já que oficialmente não era casada com Liberato. O site Correio 24h falou sobre o assunto e defendeu a médica, mãe dos filhos do apresentador.

Portal critica Gugu por não deixar para nada a mãe de seus filhos

Em uma matéria divulgada nesta terça-feira (24/12) pela colunista Flávia Azevedo, que trabalha para o Correio 24h, Gugu é exposto como péssimo marido por não ter amparado a companheira de longa data após seu falecimento.
Na matéria, a jornalista escreveu: “Terá que ser decidido, entre advogados e juízes, se Gugu e Rose tinham, de fato, uma relação marital. Se sim, ela reverte o testamento. Se não, fica tudo como está. Isso não lhes parece absolutamente nonsense? Um momento esquisitíssimo provocado pelo finado que, pelo jeito, de bonzinho, só tinha a cara“. 
Veja a matéria na íntegra: Gugu: de bonzinho, só tinha a cara
Rose Miriam chegou a dizer, em entrevista recente, que caso consiga o direito a herança deixada por Gugu Liberato, irá doar todo o dinheiro para os filhos: João Augusto, de 18 anos, e as gêmeas Marina e Sofia, de 15.

Nenhum comentário:

Postar um comentário