Portal Euclidense: Três suspeitos de arrombamento de banco são mortos durante confronto com policiais

INICIO

quinta-feira, 2 de janeiro de 2020

Três suspeitos de arrombamento de banco são mortos durante confronto com policiais


Três homens foram mortos após confronto com a polícia, na Avenida Luiz Tarquinio, Pintagueiras, em Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador, na madrugada desta quarta-feira (1ª). O trio é suspeito de tentativa de arrombamento a uma agência Caixa Econômica Federal, no local.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), policiais realizavam buscas pelos autores do crime, e encontraram o trio numa casa, aparentemente abandonada, com diversos materiais utilizados para violar a agência. Após intenso tiroteio, os suspeitos foram atingidos e socorridos ao Hospital Menandro de Farias, mas não resistiram aos ferimentos e morreram na unidade de saúde.
“Na agência encontramos cadeados e grades rompidas, câmeras de monitoramento com visores pintados, além de terem deixado algumas ferramentas em uma sacola. Apesar da ação, eles não conseguiram levar nenhum dinheiro”, afirmou o comandante da Rondesp RMS, major Fabrício Oliveira.
Segundo o coordenador do Grupo de Repressão a Crimes Contra Instituições Financeiras e Anti-sequestro da Polícia Civil, delegado Paulo Roberto Guimarães, há informações de que a quadrilha seja do estado de Pernambuco.
Com eles foram encontrados dois revólveres calibre 32, com 12 munições, um revólver calibre 38, com cinco munições, e os materiais utilizados no arrombamento do banco: 29 discos Boch e Wurth utilizados para cortar ferro e paredes, uma máquina martelete, usada para perfurar, três alicates, cinco chaves de fenda, três pés de cabra, uma fita isolante, um cadeado, duas lixadeiras, uma extensão, 11 brocas de furadeira, um alicate de pressão, uma lata tinta spray, cinco mochilas, uma capa de colete antibalístico, um fone, dois pares de luvas, uma bandoleira utilizada para carregar armas e o veículo Fiat Uno branco de placa PCU 6070.

Nenhum comentário:

Postar um comentário