Portal Euclidense: Mãe de Jotinha é internada com suspeita de covid-19

INICIO

domingo, 8 de novembro de 2020

Mãe de Jotinha é internada com suspeita de covid-19

Teresinha Cézar, 88 anos, está em um hospital
de Elísio Medrado e deve ser transferida para Salvador

Um dia após a morte do filho Jotinha, que foi vítima de covid-19 nesta quinta-feira (5), a mãe do humorista baiano, Teresinha Cézar, 88 anos, foi internada em um hospital de Elísio Medrado, cidade no Vale do Jiquiriçá, com suspeita de ter contraído a mesma doença que matou o filho. As informações são de familiares dele.Teresinha morava com seu filho quando ele foi contaminado pelo novo coronavírus. De acordo com o familiar, ela está na UTI e deve ser transferida para Salvador.

Após carreata, corpo de Jotinha é sepultado em Elísio Medrado

O corpo do humorista José Luiz Almeida da Silva, o Jotinha, foi sepultado na manhã dessa sexta-feira (6) em sua cidade natal, Elísio Medrado, a cerca de 160 km de Salvador. Jotinha morreu ontem, após sofrer falência múltipla de órgãos por conta da covid-19. Ele tinha 52 anos.

A prefeitura de Elísio Medrado decretou luto de três dias. "Acabo de participar do cortejo de despedida de Jotinha, um momento de muita emoção para todos nós", escreveu o prefeito Robson Souza. "Também aproveito para decretar: Art. 1º - Luto oficial de 03 (três) dias, pelo falecimento de José Luiz Almeida da Silva, mais conhecido como “Jotinha”. Eis que foi uma figura emblemática da nossa sociedade, participou ativamente de alguns processos políticos do nosso município, teve grande influência no movimento cultural da cidade, onde levou o nome do município para todo o Brasil, sempre com sua alegria e brincadeiras. Que Deus dê força e saúde para toda Família".

(Foto: Fábio Cruz/Recôncavo no Ar)


A população da cidade fez uma carreata pela manhã para acompanhar o carro da funerária até o cemitério em que o corpo foi enterrado. O caixão com o corpo de Jotinha entrou sob aplausos no cemitério - por conta do coronavírus, as pessoas não puderam entrar. Um carro de som transmitia mensagens. "Vá em paz, amigo. Obrigado por levar o nome de Elísio Medrado tão longe. Essa cidade nunca mais será a mesma".

Familiares que tiveram contato com Jotinha estão isolados enquanto aguardam a testagem para saber se também estão com o novo coronavírus.


Morte de Jotinha
O humorista e radialista José Luiz Almeida da Silva, conhecido como Jotinha, morreu nesta quinta-feira (5) de falência de múltiplos órgãos após contrair a covid-19.

A informação foi confirmada no início da noite pelo secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas. “É com muito pesar que recebi a notícia do falecimento do nosso @jotinhadobahea de falência de múltiplos órgãos, ocorrida há pouco, em consequência da #COVID19. Meus sentimentos à família enlutada e a todos que o admiravam”, afirmou o titular da Sesab, em postagem no Twitter.

Mais cedo, o Vilas-Boas havia respondido a uma postagem feita pelo humorista Everson Silva, o Tirullipa, que solicitava das autoridades baianas apoio para conseguir a transferência do colega, internado em estado grave em um hospital particular de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo.

Jotinha era famoso por áudios de WhatsApp, no qual costumava usar o bordão "papá", e nas redes sociais era amigo de muitos famosos, entre eles o jogador Neymar.

Torcedor do Bahia, ele chegou a ser garoto-propaganda do clube, participando de diversas ações de marketing do tricolor. Após a internação do humorista, o clube chegou a publicar uma mensagem desejando força ao torcedor.

Bastante emocionado, Vinicius, sobrinho de Jotinha, usou a página do humorista, que também era influenciador digital, para dar a triste notícia. "Eu venho dar a notícia que nenhum de vocês queria ouvir, e eu também não queria dar pra vocês. Mas ele faleceu, gente. Acabei de saber", comentou o rapaz, bastante emocionado, da porta da casa de Jotinha, na cidade de Elísio Medrado, no centro-norte baiano.

Campanha
A campanha iniciada por Tirullipa na véspera visava conseguir a transferência de Jotinha para um hospital público, já que a família do radialista e locutor não tinha condições de mantê-lo internado no Hospital Incar, com diária de internação custando cerca de R$ 23 mil.

Respondendo ao pedido de apoio de autoridades, Vilas-Boas explicou que a situação clínica de Jotinha era muito grave e não seria possível a remoção por UTI aérea para Salvador. 


Durante seu apelo, Tirullipa, que chamou Jotinha de "patrimônio da Bahia", divulgou também um áudio no qual um familiar explicava que a situação de Jotinha era realmente complicada.

humorista estava em coma induzido, na UTI, com os rins parados, tendo que fazer hemodiálise. O diagnóstico de covid-19 foi confirmado nessa quinta, horas antes do falecimento.

Após saber da morte do amigo, Tirullipa divulgou um vídeo lamentando a perda: "Vá em paz meu eterno Jotinha".

Outros artistas e autoridades lamentaram a morte do humorista. O prefeito de Salvadro, ACM Neto, comentou que está muito sentido com a notícia. "Era um grande humorista, carismático e dono dos melhores áudios do WhatsApp. Em 2018 e 2019, fez trabalhos muito bacanas para a Prefeitura, divulgando o Natal de Salvador para todo Brasil. Meus sentimentos à família e aos fãs", disse o representante. 

O governador Rui Costa também lamentou a perda. "Com tristeza, recebi a notícia do falecimento do nosso querido Jotinha, mais uma vítima da #covid19 na #Bahia. Sua alegria ficará sempre marcada, em especial para os torcedores do Bahia. Meus sentimentos aos seus familiares e amigos", escreveu.

O apresentador e humorista Danilo Gentili disse que está muito triste e afirmou que passou momentos marcantes ao lado de Jotinha. "Tô extremamente triste pelo falecimento do Jotinha - eu era muito feliz sempre que o encontrava. Ele realmente tinha uma presença cativante como poucas. Não tinha quem não gostava desse cara. Muito triste por isso :( Muito mesmo. Fará muita falta", escreveu.

O cantor Manno Góes destacou que Jotinha era a baianidade em forma de gente: "Oh, papá. Que notícia triste. Jotinha deixa um registro de alegria, de diversão, de baianidade. Não tinha como não gostar de Jotinha. Mais uma vítima do Covid. Estava sendo bem acompanhado e tenho certeza de que foi feito o que foi possível. Não tem como não ficar triste com essa notícia. Descanse em paz, Jotinha".

Esporte Clube Bahia - time do coração do humorista - também prestou uma homenagem: "Alegria, simplicidade e baianidade. Ele era tudo isso e muito mais. Não à toa foi a voz, a cara e o espírito do Esquadrão. Jotinha representa a beleza da nossa gente. A beleza do interior da Bahia. O bom humor que não arreda o pé. O sorriso que cura a dor. Boa viagem, Papá".

Vitória também compartilhou uma mensagem: "O Esporte Clube Vitória deixa a rivalidade de lado e lamenta o falecimento do humorista baiano Jotinha. Nossos sentimentos à família, amigos e fãs. Vá em paz, papá!".


Nenhum comentário:

Postar um comentário