Portal Euclidense: Criminosa a ser executada nos EUA: quem é Lisa Montgomery, autora de assassinato chocante e vítima de abusos

INICIO

segunda-feira, 11 de janeiro de 2021

Criminosa a ser executada nos EUA: quem é Lisa Montgomery, autora de assassinato chocante e vítima de abusos

A única mulher no corredor da morte federal dos Estados Unidos, onde estão os presos condenados à pena capital em julgamentos em tribunais federais, deverá ser executada nesta semana, por injeção letal, na penitenciária de Terre Haute, em Indiana.

A execução de Lisa Montgomery, de 52 anos, marcada para terça-feira (12/1), será a primeira de uma mulher levada adiante pelo governo federal americano em quase 70 anos. O último caso do tipo foi o de Bonnie Brown Heady, executada em 1953 na câmara de gás pelo sequestro e morte de um menino de seis anos de idade.

O crime cometido por Montgomery chocou os EUA e é descrito pelo Departamento de Justiça como "especialmente hediondo": em 2004, ela matou uma grávida, cortou sua barriga e sequestrou o bebê.

Mas advogados que estudaram o caso depois da condenação apontaram falhas na defesa e dizem que, se o júri soubesse na época da extensão dos abusos sofridos por Montgomery, incluindo estupros desde a infância, e das evidências de seus problemas mentais, ela talvez não tivesse sido sentenciada à morte.

"Se as pessoas entendessem como ela chegou ao ponto de cometer esse crime, compreenderiam que ela sofre de doença mental grave e que essa doença é fruto do trauma que ela viveu", diz à BBC News Brasil a professora de Direito Leigh Goodmark, da Universidade de Maryland, que é especialista em casos de violência doméstica.


Nenhum comentário:

Postar um comentário