Portal Euclidense: Servidora que fingiu aplicar vacina em idosa de 97 anos é afastada em Alagoas

INICIO

sexta-feira, 29 de janeiro de 2021

Servidora que fingiu aplicar vacina em idosa de 97 anos é afastada em Alagoas

Profissional colocou agulha no braço, mas não injetou líquido

O que era para ser um momento de felicidade transformou-se em revolta para a família de uma idosa de 97 anos, moradora de Maceió (AL). A avó da advogada Andréa Lira Maranhão foi levada para tomar a vacina de covid-19 nesta quinta-feira (28), após mais de 10 meses em isolamento. 

Mas a comemoração durou pouco tempo, pois logo depois perceberam que a profissional de saúde responsável pela aplicação do imunizante apenas colocou a agulha no braço da paciente, mas não injetou o líquido.

A técnica de enfermagem foi afastada do cargo pela prefeitura da capital alagoana.

Os familiares só viram que tinha algo faltando após verem um vídeo gravado no momento da imunização. É possível ver a servidora inserir a ponta da agulha, mas retirá-la rapidamente, sem que o líquido fosse injetado. Perplexa com o que viu, Andréa decidiu exigir explicações e pediu que a avó fosse imunizada de verdade.

“A cuidadora filmou e, quando mandou o vídeo comemorando, percebemos que a injeção não havia sido aplicada. A gente ficou indignado. As autoridades estão tomando conhecimento”, disse a neta em entrevista ao site Metrópoles.
Segundo Andréa, a coordenadora da equipe que atua no local em que a avó “recebeu a vacina” reconheceu que houve um erro e, depois disso, ela própria injetou o imunizante na idosa – dessa vez, de forma correta. “Esse trabalho não é festa. É para proteger as pessoas mais fragilizadas. E se ela viesse a falecer?”, desabafa a advogada. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário