Portal Euclidense: Após atacar Doria e STF, chefe da PM-SP é excluído da corporação pelo governador

INICIO

23/08/2021

Após atacar Doria e STF, chefe da PM-SP é excluído da corporação pelo governador

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afastou o chefe do Comando de Policiamento do Interior-7, coronel Aleksander Lacerda, por indisciplina. A informação foi divulgada pelo gestor ao programa Jornal da CBN, da rádio CBN.

Nos últimos dias, o coronel tem convocado "amigos" para a manifestação bolsonarista de 7 de setembro em Brasília. 

 

Segundo publicação do jornal Estadão, o oficial chegou a afirmar que o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM), é "covarde" e que João Doria (PSDB), governador de São Paulo, é uma "cepa indiana". O comandante ainda disse que o deputado Rodrigo Maia é qualificado como beneficiário de um esquema "mafioso".

 

Ainda conforme publicação, o coronel Aleksander Lacerda, tem sete batalhões da PM paulista sob suas ordens, com troca de cerca de cinco mil homens, em 78 municípios da região de Sorocaba. Agora, ele está excluído dos quadros da PM.

 

Um levantamento do jornal também diz que o comandante publicou 148 críticas e ofensas ao Supremo Tribunal Federal (STF) e ao Tribunal Superior Eleitroal (TSE) e seus ministros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário