Portal Euclidense: Funcionário do Carrefour é achado preso dentro de elevador do supermercado após quase 2 dias desaparecido

INICIO

28/09/2021

Funcionário do Carrefour é achado preso dentro de elevador do supermercado após quase 2 dias desaparecido

Um funcionário da rede de supermercados Carrefour que estava desaparecido desde o último sábado (25), ao encerrar o expediente, foi encontrado preso dentro do elevador do local na manhã desta segunda-feira (27). O rapaz ficou sem comer e sem beber durante todo o período.

Caso aconteceu em unidade do Carrefour em Santos, no litoral paulista.

PUBLICIDADE ACESSE O INSTAGRAM

O rapaz trabalha no local há cerca de sete anos e deveria ter voltado para casa após o trabalho, no sábado. Como não deu notícias, e não tem costume de fazer isso, os familiares do rapaz iniciaram as buscas com o compartilhamento de imagens em redes sociais pedindo informações sobre possíveis paradeiros. A mãe não chegou a registrar boletim de ocorrência sobre o desaparecimento porque foi orientada a aguardar 24 horas do desaparecimento, já que o filho é maior de idade. 

Mesmo o mercado funcionando no domingo (26), o rapaz passou cerca de 36 horas preso, sendo liberado só na manhã desta segunda-feira (27).

O que diz o Carrefour? 

Em nota, o Carrefour informou que o funcionário ficou preso em um elevador de carga que, por motivos ainda desconhecidos, parou de funcionar. O equipamento fica em uma área com acesso restrito a funcionários.

Uma investigação interna do supermercado deve apurar qual o motivo do funcionário supostamente não ter pedido ajuda. Além disso, uma equipe de manutenção foi acionada e deve descobrir a causa do elevador ter parado de funcionar.

“Estamos junto aos familiares para prestar todo o suporte necessário, incluindo apoio psicológico. Ficamos consternados com o ocorrido e estamos apurando o fato internamente”, afirma o mercado.

O Carrefour disse ainda que o funcionário foi atendido no hospital da cidade, fez alguns exames e passa bem. 


FONTE: Chico Sabe Tudo

Nenhum comentário:

Postar um comentário