Portal Euclidense: Mais um homicídio e rapto de coveiro são registrados em Retirolândia na noite deste domingo

INICIO

04/10/2021

Mais um homicídio e rapto de coveiro são registrados em Retirolândia na noite deste domingo

O novo homicídio ocorreu nas proximidades do Conjunto Habitacional Aloísio Carneiro, enquanto o coveiro estava em casa quando foi raptado
O clima em Retirolândia é de extremíssima tensão após a repercussão da informação que o policial militar Gilson Rodrigues Pereira que estava de folga tinha sido baleado com dois tiros quando participava de um evento no Povoado Vista Bela. Ele não resistiu e foi a óbito dentro de uma UTI móvel quando estava sendo transferido para Feira de Santana ou Salvador.

Antes de chegar a informação que o militar não tinha resistido aos ferimentos, o Hospital de Retirolândia foi acionado para mandar uma ambulância a localidade de Lagoa do Canto que fica as margens da BA 120 entre Retirolândia e Valente, onde um homem estava caído após receber vários tiros, mas quando o socorro chegou nada pôde fazer, a vítima já não apresentava os sinais vitais.

Não há informações sobre as circunstancias do crime, apenas que a vítima conhecido por Marquinhos estava residindo em Salvador.

PUBLICIDADE

Horas depois repercutiu nova informação de mais um homicídios em uma fazenda nas proximidades do Conjunto Habitacional Aloísio Carneiro e que desconhecidos quebraram o cadeado da grade da casa do coveiro do município conhecido por Tote e levaram com destino ignorado.

Assim como o caso de Lagoa do Canto, não tivemos informações sobre autoria e motivação.

A Polícia Militar ainda não se manifestou sobre os casos, sabe-se apenas que várias guarnições circulam pela cidade a procura de suspeitos. A corporação divulgou até o momento uma nota de pesar pela morte do soldado Gilson.

O 16° Batalhão de Polícia Militar manifesta o mais profundo pesar pelo falecimento do Sd PM GILSON RODRIGUES PEREIRA, o qual foi alvejado com dois disparos de arma de fogo no Povoado Vista Bela, zona rural de Retirolândia, foi rapidamente socorrido para o hospital local, transferido para Feira de Santana, mas não resistiu aos ferimentos.

O Sd PM Gilson ingressou na Polícia Militar da Bahia em 07 de abril de 2008, contando 13 anos de serviço. Nesse período, ele prestou relevantes à Corporação e à sociedade. O policial deixa dois filhos pequenos, esposa e imensa saudade.

À família enlutada e aos amigos, apresentamos nossos sentimentos de solidariedade e respeito pela imensa dor que estão sentindo.

#Luto

Nenhum comentário:

Postar um comentário